GLICOSE ALTA – Como Controlar e Baixar a Glicose

GLICOSE ALTA – Como Controlar e Baixar a Glicose
Gostou do post?

Saiba Como Controlar e Baixar a Glicose Alta. Atenção: A Sociedade Brasileira de Diabetes recomenda o Programa Diabetes Dominado para controlar e a Diabetes porque é 100% natural e contribui para sua reversão total. 


Alta glicose, alto teor de açúcar ou hiperglicemia é uma condição que ocorre quando uma pessoa tem alto nível de açúcar no sangue. Esta condição pode surgir por várias razões.

O índice ou taxa glicose alta é considerado elevado no sangue quando passou de 100mg / dL em jejum ou 140mg / dL após as refeições.

Qualquer resultado com números maiores pode ser considerado casos de alto nível de glicose no sangue e a necessidade de monitoramento médico é necessária.


LEIA MAIS:


taxa-de-glicose-alta

SINTOMAS DA GLICOSE ALTA

Todos os sintomas de alto teor de glicose
O alto nível de açúcar no sangue pode ser uma condição completamente silenciosa, e você pode deixar de mostrar sintomas somente quando se muda para um estágio mais avançado. Quando a glicose se torna alta, a tendência é sentir boca seca, muita fome e coração rápido. Mas, pode haver vários outros sintomas, como:

  • Arritmias
  • Sede em excesso
  • Tremores
  • Estresse
  • Impotência
  • Falta de ar
  • Boca seca
  • Coceiras
  • Infecções
  • Grande apetite
  • Problemas de visão (visão turva principalmente)
  • Perda de peso de cetoacidose diabética
  • Dificuldade de coagulação mesmo em pequenos cortes ou arranhões
  • Urina com alta concentração de açúcar (as formigas no banheiro são o sinal mais comum)
  • Dores de cabeça constantes
  • Inchaço das extremidades do corpo
  • Respiração cheirosa de fruta
  • Nos casos da glicose alta você pode ter febre

COMPLICAÇÕES DA ALTA GLICOSE

sintomas-da-glicose-alta

Em geral, as complicações da Alta Glicose no organismo para todos os tipos de diabetes são diversas e entre as mais perigosas podemos destacar:

  • Problemas renais
  • Cetoacidose diabética (perda de peso rápida)
  • Cegueira
  • Catarata
  • Glaucoma
  • Retinopatia
  • Inflamação dos membros inferiores (pé diabético, por exemplo)
  • Problemas de pele e calo (sensibilidade da pele)
  • Convulsões
  • Problemas cardíacos

Os diabéticos têm uma chance de até 50% maiores para desenvolver as doenças mencionadas acima no decurso da vida. Isso ocorre porque a alta glicose no sangue, quando não apresenta grandes sintomas, acaba sendo deixada de fora.

COMO BAIXAR A GLICOSE

A maioria dos casos de glicemia é devido à má alimentação feita diariamente. Mas o que as pessoas não sabem é que uma dieta açucarada equilibrada e controlada não precisa ser um alimento desagradável. Os diabéticos geralmente se perdem e não sabem o que podem ou não podem comer, é isso que cria perigo.

Além disso, a maioria das pessoas tem vários sintomas e duvida se tem ou não uma conexão com diabetes e glicose alta. Alguns até coexistem com esses sintomas por um longo tempo antes de tomar medidas para melhorar a saúde.

Se você já fez os testes necessários, tome medicamentos e, mesmo se sua glicose no sangue não for baixa, ou mesmo se suspeitar que sua glicose é alta, pode ser hora de começar uma dieta dedicada especialmente a pessoas diabéticas, mude seus hábitos, afinal a causa disso é o seu próprio descuido.

CONTROLE A INGESTÃO DE CARBOIDRATOS

O primeiro segredo para quem precisa melhorar os níveis de açúcar no sangue é controlar o consumo de carboidratos …
Exercite-se regularmente …
Aumente a ingestão de fibra …
relaxar …
Evite adicionar açúcar às bebidas …
Controle seu peso….

Recentemente, o Programa Diabetes Dominada foi lançado, que visa estabilizar o açúcar no sangue de pessoas diabéticas sem o uso de medicamentos. Para as pessoas que tomam medicamentos diariamente, o objetivo é diminuí-los de 80 até 100%, dependendo do tipo de diabetes.

Para saber mais sobre glicose alta basta clicar no botão abaixo para ir ao site oficial do programa.

diabetes mellitus

Voltar a Página Inicial

 

 

COLESTEROL ALTO - O QUE FAZER?

O QUE É COLESTEROL ALTO O colesterol é um tipo de gordura que está naturalmente presente no corpo. Ele desempenha um papel vital em como cada célula funciona, mas o…